quarta-feira, junho 28, 2006

EDUCAÇÃO!


Escreverei algo muito sério pois creio que isto se deve passar pelo mundo todo.
Eu faço prestações de serviços na minha casa. Digito para fora. E ontem à tarde apareceram uma mãe com seu filho que estuda no segundo grau escolar ‘Ensino Médio'.

Eles simplesmente queriam que eu fizesse duas dissertações contendo de 07 a 10 linhas cada, com os devidos assuntos:


· GUERRA CONTRA O CIGARRO;

· UMA BREVE OPINIÃO SOBRE A TRAJETÓRIA DO DESEMPREGO NO BRASIL.


A grande indignação é a seguinte:

Se uma mãe que vem com seu filho pedir para que um estranho fizesse o tal trabalho, onde anda e EDUCAÇÃO DESSE PAÍS?

Como vamos formar nosso futuro se os pais apóiam a BURRICE DE SEUS FILHOS'?

A cada ano que passa em vestibulares espalhados por todo o Brasil, existem as chamadas ‘PÉROLAS', onde cada qual dissertam demasiados assuntos , ligando nada a lugar nenhum.

Minha chamada é para o investimento da educação, mas creio que esse tipo de polêmica ocorre por toda a Terra, nosso futuro depende...

Opinem, vamos dar asas a imaginação e quem sabe formarmos uma discussão sadia.

Beijos a todos

PAOLA VANNUCCI

sexta-feira, junho 23, 2006

Aquela Noite...

Distinta noite de luar
Onde você me seduzia a largos beijos
Quando na arte de amar, simplesmente rendo-me
Ao afago ao braço forte ao desejo
Você me aceita com um simples toque
Eu o num simples olhar o tenho completamente meu,
A mim cabe a liberdade de amá-lo
A mim cabe docemente a realizar o mais belo dos prazeres
A noite esquenta meu corpo nu e trêmulo
A noite caminha ao desenrolar e embaralhar nossos sentidos
A noite esfrega nossos corpos num banho de mar
Doce prazer com um tom voraz
O desejo ardente me persegue
Você me prende com sua boca a me sufocar
Quero gritar
Quero subir as paredes
Quero me molhar
Quero nunca mais vesti-lo
Quero amar...
Quero aqui neste momento perder a vergonha...
Pobre e triste noite de luar
Que acaba com o raiar do sol
Pena meu corpo separar
Pena que na noite seguinte a certeza fora em vão...
Pois quero a luxúria do prazer
E meu corpo o entronizar!


PAOLA VANNUCCI

quinta-feira, junho 22, 2006



VAMOS DAR INÍCIO A UMA NOVA FASE...
COMEÇANDO POR UM POEMA MEU...
ESPERO DAR MUITAS INFORMAÇÕES, CONHECIMENTO E ALEGRIA A TODOS.
BEIJOS E ABRAÇOS
PAOLA

SENTIR

Sentir é o que importa
Sinto prazer em amar,
Sinto seu corpo no meu...
Sinto
O que sinto, sem saber o que realmente sentir?
Que regra boa, apenas sentir...
Nada tocar, nada beijar, nada amar,
Apenas sentir,
Mas????
O que sentir?????
Seu gosto?????
Que saudade, seu toque??
Quanta lembrança?????
Seu........
Sentir??????
Eu ainda sinto.......


PAOLA VANNUCCI

15/07/05