Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2009

Anjos e demônios

Quero jantar anjos e demônios
Para vomitar justiça que falta no mundo.
Quero mesclar cores e produzir sons do futuro.
Cantar como nas trovas antigas e viver um grande amor.
Sou como um poeta solitário,
Triste estou.
Podaram minhas asas, preciso voar.
Quero abraçar as alturas, roubando beijos
Do grande amor que não tive.
Meu choro não é suficiente para chegar aos seus ouvidos.
Oh! Trova sofrida.
Oh! Tristão que não me permite.
Seu par é Isolda e não, eu.
Continuo jantando anjos e demônios
Para ainda buscar justiça deste mundo frio.


Paola Vannucci
12/04/2009

Cabelos

Antes de lerem, ouçam esta música, valem a pena!
Divirtam-se!

BeijosPaola




À medida que o tempo passa
Perdemos noções básicas da vida,
Perdemos identidade.
As mulheres usam de tantos artifícios
Estragando seus cabelos com diversos recursos,
Negras, usam alisantes,
Morenas, usam alisantes,
Loiras, usam alisantes.
Francesas, alisantes,
Japonesas, alisantes,
Perdem-se o brilho.
Alisantes para tudo,
Perdem-se o natural.
Qualidade de vida, enriquecimento a poucos
Tudo por causa dos alisante para cabelos.
Tratamento para rebeldia,
Usam-se alisantes,
Psicoterapia, alisantes,
Entre quatro paredes,
Brincam de alisar suas peles.
A febre continua no mascarado.
Alisantes e não ao contentamento temos os
Tonalizantes.

Paola Vannucci
04/04/2009