Mesmo que o tempo seja infindável nunca deixarei de amar meu amor que ficara pra trás.... Tempo entorpesse sentimentos , seres distados, seres jamis unidos kilometricamente, seres ausentes de corpos, tempo percorrido a minutos, pobre de mim, que de tão longe, sofra por um amor conquistado e distante....







PAOLA VANNUCCI

Comentários

cláudia pit disse…
Simplesmente lindo!

Paola, adoro a maneira que escreve... Vc consegue transmitir tanto sentimento que parece que estou ouvindo as palavras!

Adoro passar aqui,
bjs
Navi Leinad disse…
A distância é só um detalhe... enorme, é verdade, mas só um detalhe. O importante é o amor.
Abraço, e bom final de semana.
:-)
Anônimo disse…
Oi amiga quanto tempo hein, mas estou de volta ta bom!!!!!!!!!!!!
bjos!!!!!!!!
Kelliani MAia disse…
Oi amiga quanto tempo hein, mas estou de volta ta bom!!!!!!!!!!!!
bjos!!!!!!!!
rafaelnolli disse…
Pois é, Paola, o tempo é um ser faminto mesmo, que sempre está devorando tudo, nos distanciando das coisas!
Kaco disse…
Tempo não entorpesse... Tempo da passagem ao torpor dos inalienáveis...
Menina do Rio disse…
Quisera que a distancia fosse só um detalhe como O Navi diz: Mas a distancia exige tempo e o tempo corrói...

Vim deixar-te um beijo e dizer que linkei tua pagina.
tem um ótimo fim de semana!
rui disse…
Olá Paola

Lindo texto!
Quando se ama de verdade não há distancia ou outra barreira que quebre um amor.
Mas por outro lado, a distancia pode ser um grande entrave à manutenção desse amor.
Gostei do que escreveste.

Há muito tempo que não te visitava, hoje, gostei muito de estar aqui.

Que tenhas um lindo fim-de-semana
Cuida de ti
Beijinho
Querida Paola

"O tempo - o pior inimigo do homem.

A distância nem sempre "mata" um grande amor - mas a dor é imensa

e o tempo sem dúvida alguma - que corrói!

Mas eu sei que vais ser muito feliz:))

Beijinhos com muito carinho
BomFsemana
Denise disse…
Oi, Paola!!!
achei bonito e ao mesmo tempo tão triste...distância dói demais, né?!
Mas é um teste infalível para o amor verdadeiro...
Beijo grande!
Há distâncias que machucam.




Boa semana
Paulo Mello disse…
Esse sofrimento de amor tendo o ser amado perto ou distante, muitas vezes nos dá a dimensão do sentimento nutrido. Sei do que falas, desse amar à distância, com a diferença de que não sofro, pois esperançoso que sou pretendo sentir as delícias do amor quando minha amada chegar. Determinadas espécies de amor trazem benefícios mesmo sem a reciprocidade e mesmo à distância.

Que consigas a paz que todo amor traz em si, e se não conseguiste ainda é porque existe no teu coração alguns pontos a se preencher.

Deixo-te um afetuoso abraço e os votos de uma excelente semana para ti.

(Com todo o respeito, em relação à foto, és uma bela garota)
Noite disse…
Nem sempre a distância enfraquece os laços, veja-se a ponte, que se amarra a ambos os lados do rio, com a força de um Hercules que une dois mundos.
Daniel Aladiah disse…
Estás linda, Paola!
Não des(esperes)... porque nem sempre o que esperamos é o melhor. Deus se encarrega de te abrir a porta que acabarás desejando....
Um beijo
Daniel
Adryka disse…
Querida Paula, não existe distancia para o amor, pode existir distancia para os carinhos, mas nunca para o amor. Beijinhos amiga

Postagens mais visitadas deste blog

Homenagens aos pais - Minha formatura

Isadora Duncan (americana, 1878-1927 :: bailarina)

O preço da honestidade